Agora tudo começa a fazer sentido… mais ou menos | Review True Blood 4×10 – “Burning Down The House”

  

Tantos plots que somente agora começaram a ganhar sentido. Toda a baboseira de Jesus/Lafayette + nêga maluca/boneca dumal, foi tudo para a gente saber que Jesus tem o poder de desapossar as pessoas possuídas. Andy viciado em “V” foi algo para tentar levar um drama mais familiar para a temporada (e quem sabe conseguir um novo público) e a inclusão de Alcide + bando de lobos + toda a confusão com Tommy e Sam foi puramente para encher linguiça e cumprir contrato dos atores já regulares. Porque sério a inclusão da alcateia e de Alcide e Debbie simplesmente não tem ligação nenhuma com a história dos vampiros ou da bruxa. Mas está lá e ajuda a preencher os episódios.

  

O episodio começou bem, num bom ritmo, afinal terminar como semana passada e começar parado seria quase impossível. Admito que detestei como Sookie quebrou os feitiços em Eric. Achei uma solução muito fácil e pouco explicativa, já que a própria não sabe lidar/controlar com seus poderes. Mas acho que essa questão de controle muda nos próximos episódios. Então Eric lembrou de TU-DO! Voltou a ser Eric mas continuou com resquícios do Baby Eric, o que eu gostei muito. Não é porque ele voltou a ser seu antigo eu, que ele não ame Sookie de verdade e não possa ter um relacionamento com ela. Bill ainda está na jogada, apesar de nos livros Sookie já quase nem o considera como um ser vivo após descobrir da traição. No entanto, a série já deixou os livros para trás há muito tempo, isso foi apenas um comentário snob de quem leu os livros, tsá? Voltando ao episodio, Pam voltou sempre bela, entretanto a maldição não saiu e ela continua putrificando por dentro e por causa do tratamento da amyga da Avon em um dos episódios passados ela conseguiu recuperar sua boa aparência.

Jess e Jason não rolou. Ficaria muito mais p*** da vida no lugar de Jessica. O cara acabou de comer ela, e aí depois pede para esquecer porque se sente extremamente culpado por ter comido a mulher do amigo? Qual é, Jason? MAN UP! E pelo jeito ele vai mesmo, já que nos próximos episódios parece que vai rolar a confissão pro Hoyt mesmo. E Hoyt, que cara chato! Tá, tudo bem, ele terminou com o amor de sua vida e tal, mas não precisa alugar os outros com isso, né? Jason fez bem em ir encher o saco de Sookie um pouco. Rysos. Depois eu volto para esse ponto. Nann é simplesmente detestável e claramente abusiva do poder que lhe é dado. Bill decide enfrentá-la e ameaça a contar as autoridades o que rolou no hotel. Criancice, tipo “vou contar tudo para sua mãe, viu? XP” Anyways, bolaram o magnífico plano de explodir o Empório da Deusa da Lua e pronto.

O dramalhão familiar de Andy e Terry foi concluído. Ou pelo menos acho que foi. Agora sim entrou uma explicação para darem ao Andy um vício bobo desses. “V” é uma droga como outra qualquer, e se encaixava nesse plot de drama familiar que eles queriam incluir. Achei legal, achei bonito, achei tocante, mas tudo isso não passa de filler para preencher a temporada. As outras temporadas não tinham tantos fillers como essa. Pelo menos não tão gritantes assim.

  

Alcide ia levar Tommy pro hospital, depois de testemunhar o espancamento do garoto e não fazer nada a não ser gritar “Pare!”. Nessa ele foi cagonildo e não há quem discorde, ou há? O cara podia facilmente ter impedido o tanto que ele apanhou e não o fez. Admito que fiquei um pouco chocado com a morte de Tommy, pois esperava que ele ainda fosse ter uso na próxima temporada. Admito que mais por causa do ator (que é um mel) do que por causa do personagem. Acho que todos meio que adoravam odiar seu personagem. Conseguiram fazer uma morte agonizante, e tocante ao mesmo tempo. Pecadores e não ouvintes da música de Deus, todos somos, mas roubar, matar e tentar roubar de novo, e passar pelo irmão, quase ninguém faz né? Achei bonita a cena de Sam aceitando as desculpas de seu irmão e ainda tentando confortá-lo quando não havia dúvidas que o garoto ia ser do time do capeta.

  

Passando rapidinho por Debbie e Marcus. Vadia e cuzão FDP! Sem mais… voltando a Jason e Sookie. Sookie depois de ouvir o irmão tagarelar sobre como seu “brother from another mother” está chato para cacilds, a fada pede ajuda para o irmão e juntos vão falar com Lafa e Jesus. Jesus então tem a magnífica ideia de visitar Marnie/Antonia e tentar desapossar uma da outra e assim restaurar a paz no mundo.

  

Eis que Jesus aparece no Empório, e Sookie está lendo sua mente o tempo todo. Jesus precisa provar a “Antonia” (porque nesse ponto já sabemos que não é mais a coitada que está orquestrando o plano maléfico) que é digno de uma segunda chance. Para isso ele precisa passar a barreira imposta. Depois de muita dor e sofrimento o cara revela o demô dentro dele e passa rapidinho rapidinho.

  

Eis que vemos que não é mais Antonia que está no comando. Marnie que teve de convencê-la a não sair fora e voltar para seu corpinho belo. Esse foi um plot twist bacana que eu cheguei a cogitar mas não achei que fosse ser seguido, afinal Marnie parecia ser “boazinha” no início da temporada. PAH! Marnie sambou na cara da sociedade e mostrou para todo mundo quem é a verdadeira bandida e maléfica da história!

  

Tara e Dawn conseguem quebrar as barreiras e correm pro abraço para Sookie e Lafayette. Marnie chega logo atrás e faz todo mundo exceto Jason sumir! =O Para onde elas foram? Em seguida eles enchem mais o episódio com a conclusão da jornada de Andy e Terry (será que ele melhorou mesmo?) e depois vem a sena dos vampiros botando banca ao com de um roquenrol bacanudo e todos saem da van com sua respectiva arma, a imagem congela e… fim!

Achei fraco e achei beeem fajuta a sena final dos vampiros saindo da van com armas, bazucas e etc. Outra vez quiseram pegar a solução mais fácil e cortar caminho. Roteiristas, vamos pensar um pouquinho mais, vai? Calma, gente! No promo abaixo mostra os desaparecidos dentro do Empório sãos e salvos e todos caracterizados. Talvez exceto pela parte de estarem sendo feitos reféns, todos estão bem. Vejam abaixo o promo do penúltimo episodio da temporada:

Bom esse foi o episodio da semana. Curtiram? Concordam com as baboseiras que falei? Comentem abaixo! Depois curte a gente no Facebook e nos siga no Twitter que assim que tiver mais novidades, a gente avisa vocês lá. ;)

About kywi

Uma fruta que curte muito o universo pop, e tenta sempre estar antenado.

Posted on August 30, 2011, in Séries, True Blood and tagged , , , , , , , , . Bookmark the permalink. 1 Comment.

  1. Em geral amei o episódio. Mostrou mesmo que essa temporada tem um foco, coisa que no começo era difícil de perceber.

    O problema é a morte do shapeshifter, justamente agora que o personagem finalmente ficou interessante e ganhou esse poder único… Uma pena!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: